8º Domingo Tempo Comum

alt

Irmãos, Deus nos ama e jamais se esquecerá de nós. Muitas pessoas pensam que Deus criou todas as coisas e agora elas seguem um curso natural das leis da criação e que Deus está “lá no Céu” olhando para ver o que vai dar no fim dos tempos. Isto é um engano. Deus cria, sustenta e participa do ser criado. Assim Ele criou tudo do nada e dá a cada ser a sustentação da criação, se Deus não sustentar o ser ele se aniquila, desaparece, mas também Deus participa do ser em todas as suas atividades: nascimento, crescimento, frutos… Enfim Deus está presente, 24 horas por dia, em cada ser criado – mineral, vegetal, animal irracional e na pessoa humana. Não estamos falando de panteísmo, este proclama que tudo é deus, nós dizemos que Deus está em todas as coisas criadas. Assim sua participação na vida de cada um de nós é efetiva e clara. Isto é o Amor que permanece em cada ser criado.

Assim não precisamos nos preocupar com as coisas do mundo como se o mundo fosse o fim de todas as coisas, não. Deus é o fim de todas as coisas e Ele está a todo o momento derramando bênçãos sobre cada um de nós. Por isso que não devemos colocar nossa confiança somente em nossas forças, mas na pessoa do Senhor que está em nós e que conosco quer fazer tudo para nós preparar para o Céu. Portanto não podemos servir a dois senhores – Deus e o dinheiro – importante que Jesus não fala Deus e o Demônio, mas o dinheiro. Por quê? Porque o Demônio ainda está em posse deste mundo e quem quiser servir o Demônio é só fazer do dinheiro o seu Deus. Assim quando usamos dos bens deste mundo, o dinheiro, para o serviço de Deus, estamos pegando aquilo que nossos primeiros pais entregaram ao Demônio e estamos usando para a glória de Deus. Este é nosso papel: servir a Deus em todas as áreas de nossa vida. Por isso: “buscai em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão dadas por acréscimo”. Somos o povo de Deus e estamos implantando Seu Reino neste mundo. Vivemos na providência, pois sabemos em quem colocamos nossa confiança. Providência não é deixar tudo para Deus fazer, mas é: Fazer tudo como se dependesse de nós e ter a consciência que tudo é realizado pelo Senhor em nós e conosco. Então tudo em nossas vidas é uma realização em conjunto – Você e Deus. Desta forma toda preocupação é vã.

Somos cidadãos do Céu e estamos aqui de passagem, este mundo é um estágio em que vamos aprender a ser humano buscando perfeição em nossa humanidade e santidade em nossa participação com Deus, oxalá no dia de nossa morte estejamos preparados para receber a coroa da Glória que Deus preparou para aqueles que o amam. Por isso que, depois de tudo, estaremos diante de Deus e de todos os irmãos para mostrarmos os frutos de nosso trabalho. “Então, cada um receberá de Deus o louvor que tiver merecido”.

Que em todas as nossas atividades, trabalhos, negócios, empreendimentos… Estejamos com nossos olhos fixo no ponto onde queremos chegar – O CÉU. Confiemos em Deus e o resto “serão dadas por acréscimo”.

Antonio ComDeus

 

8º DOMINGO Tempo Comum

1ª Leitura – Is 49,14-15

Eu não te esquecerei.

 

Salmo – Sl 61,2-3.6-7.8-9ab (R.6a)

R. Só em Deus a minha alma tem repouso,
só ele é meu rochedo e salvação.

 

2ª Leitura – 1Cor 4,1-5

O Senhor manifestará os projetos dos corações.

 

Evangelho – Mt 6,24-34

Não vos preocupeis com o dia de amanhã.