Reflexão Festa do Cristo Rei

alt

Estamos no final do ano litúrgico e nesta festa celebramos o fim, fim de tudo, a Parusia. Essa é nossa esperança que Jesus volte e retire toda a iniquidade da face da terra e nos proporcione um mundo íntegro como o Pai criou no inicio dos tempos. “Olhai! Ele vem com as nuvens, e todos os olhos o verão”. Sim na Festa de Cristo Rei do Universo já comemoramos sua realeza, Ele venceu a morte, venceu o mal, derrotou Satanás, nos trouxe uma nova vida, mas ainda não tomou posse de sua conquista. Este é o tempo da Igreja é o tempo da conversão, é o tempo de mudança de vida para nos preparamos para receber o Rei da Glória. Nosso Rei virá, mas como estará o mundo para recebê-lo? Como os povos estarão empenhados em coroar o mundo na espera do Rei? Puxa! Esse é o tempo de fazermos algo na espera do Senhor. 

Quem sabe o Pai está esperando os homens se organizarem, passarem por todo tipo de egoísmo, ganância, violência, destruição, abusos, guerra, ódio, comportamentos irracionais, para que depois que o ser humano se encontrar no fundo do abismo possa olhar e ver o que é verdadeiramente a vida e tomar atitudes de amor, solidariedade, comunhão e, ai sim, se preparar para receber o Senhor dos Exércitos.

“Mas o meu reino não é daqui”. Seu Reino não é deste mundo, por isso que Jesus veio salvar os que lhe pertence e levá-los para a glória. Nossa vida começa aqui com á Vida da Graça e culminara com a Vida na Glória. Vai depender do lado em que estivermos nosso caminho é um – o de Jesus, mas se alguém quiser adentrar pelo atalho que é uma possibilidade e se distanciar de Deus é uma questão de opção. Mas os que forem lavados pelo sangue do Cordeiro: “Esses são os sobreviventes da grande tribulação; lavaram as suas vestes e as alvejaram no sangue do Cordeiro”. (Apoc 7,14). Estarão na visão Beatifica participando da glória de Deus.

Não percamos tempo, gritemos pelos quatro cantos da terra: “Convertam-se, mudem de vida, aqui tudo passa, se preparem para receberem o Rei que está chegando. Ele já esta as portas. Olhe! Ele está ai. Na porta de seu coração para te dar uma nova vida”. “Eis que estou à porta e bato: se alguém ouvir a minha voz e me abrir à porta, entrarei em sua casa e cearemos, eu com ele e ele comigo”. (Apoc 3,20).

Feliz e sábio será aquele ou aquela que souber fazer sua opção na caminhada da vida e escolher ficar do lado do Rei do Universo. Certamente que o mundo com suas ofertas atraem o homem e o conduz a morte. Mas a todos Deus dá sua presença para que no caminhar da vida, todos, sem exceção, tenham um momento de decisão de que lado quer ficar. Será muito feliz o momento da oferta do filho a seu Pai depois de terminar sua missão será muito bom se estivermos todos juntos neste dia: “Vi, então, um novo céu e uma nova terra, pois o primeiro céu e a primeira terra desapareceram e o mar já não existia. Eu vi descer do céu, de junto de Deus, a Cidade Santa, a nova Jerusalém, como uma esposa ornada para o esposo. Ao mesmo tempo, ouvi do trono uma grande voz que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens. Habitará com eles e serão o seu povo, e Deus mesmo estará com eles. Enxugará toda lágrima de seus olhos e já não haverá morte, nem luto, nem grito, nem dor, porque passou a primeira condição. Então o que está assentado no trono disse: Eis que eu renovo todas as coisas”. (Apoc 21, 1-5a).

Tú és o Rei, Tú és o meu Rei! Maranatha!, Vem Senhor.

 

Antonio ComDeus


Palavra da Salvação

 

1ª Leitura – Dn 7,13-14

Seu poder é um poder eterno.

Leitura da Profecia de Daniel 7,13-14

 

13Continuei insistindo na visão noturna,

e eis que, entre as nuvens do céu,

vinha um como filho de homem,

aproximando-se do Ancião de muitos dias,

e foi conduzido à sua presença.

14Foram-lhe dados poder, glória e realeza,

e todos os povos, nações e línguas o serviam:

seu poder é um poder eterno

que não lhe será tirado,

e seu reino, um reino que não se dissolverá.

Palavra do Senhor.

 

Salmo – Sl 92, 1ab.1c-2.5 (R.1a)

R. Deus é Rei e se vestiu de majestade,

R.glória ao Senhor!

 

1aDeus é Rei e se vestiu de majestade,*

1brevestiu-se de poder e de esplendor!R.

 

1cVós firmastes o universo inabalável,

2vós firmastes vosso trono desde a origem,*

desde sempre, ó Senhor, vós existis!R.

 

5Verdadeiros são os vossos testemunhos,

refulge a santidade em vossa casa,*

pelos séculos dos séculos, Senhor!R.

 

1ª Leitura – Ap 1,5-8

Fez de nós um reino,

sacerdotes para seu Deus e Pai.

Leitura do Livro do Apocalipse de São João 1,5-8

A vós graça e paz

5da parte de Jesus Cristo,

a testemunha fiel,

o primeiro a ressuscitar dentre os mortos,

o soberano dos reis da terra.

A Jesus, que nos ama,

que por seu sangue nos libertou dos nossos pecados

6e que fez de nós um reino,

sacerdotes para seu Deus e Pai,

a ele a glória e o poder, em eternidade. Amém.

7Olhai! Ele vem com as nuvens,

e todos os olhos o verão

– também aqueles que o traspassaram.

Todas as tribos da terra baterão no peito por causa dele.

Sim. Amém!

8’Eu sou o Alfa e o ômega’, diz o Senhor Deus,

‘aquele que é, que era e que vem,

o Todo-poderoso’.

Palavra do Senhor.

 

Evangelho – Jo 18,33b-37

Tu o dizes: eu sou rei.

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João 18,33b-37

 

Naquele tempo:

33bPilatos chamou Jesus e perguntou-lhe:

‘Tu és o rei dos judeus?’

34Jesus respondeu:

‘Estás dizendo isto por ti mesmo,

ou outros te disseram isto de mim?’

35Pilatos falou: ‘Por acaso, sou judeu?

O teu povo e os sumos sacerdotes te entregaram a mim.

Que fizeste?’.

36Jesus respondeu:

‘O meu reino não é deste mundo.

Se o meu reino fosse deste mundo,

os meus guardas lutariam

para que eu não fosse entregue aos judeus.

Mas o meu reino não é daqui’.

37Pilatos disse a Jesus:

‘Então tu és rei?’

Jesus respondeu:

‘Tu o dizes: eu sou rei.

Eu nasci e vim ao mundo para isto:

para dar testemunho da verdade.

Todo aquele que é da verdade escuta a minha voz’.