30º Domingo do Tempo Comum – Ano A

“Amar o próximo como a ti mesmo”. O Senhor nos fala de justiça, de fraternidade, de comunhão. Vejamos que na primeira leitura o Senhor chama a atenção de Seu povo a praticar a justiça para com o próximo, não emprestar dinheiro com usura, não defraudar o irmão, cuidar dos pequenos e dos pobres. Já na segunda leitura São Paulo elogia os membros da comunidade que estão sendo boas testemunhas do evangelho. Onde está a diferença? O que podemos perceber de diferente entre as duas leituras? Certamente alguma coisa aconteceu entre uma e outra leitura. Verdade. Jesus veio para transformar a face da terra e o fez com seu próprio sangue derramado na cruz para a salvação dos homens e depois de cumprir sua missão enviou o Espírito Santo para que realizasse, no coração dos homens, a obra d’Ele nos levando a ser outros Cristos no mundo.

Aí está à grande diferença. Mas o que está acontecendo no mundo de hoje que não vemos isso de forma concreta? Onde está o testemunho dos cristãos? Se nosso país é 70% Católico onde está o testemunho destes? Vêem-se tantas desigualdades, injustiças que parece que o Espírito Santo não está mais habitando no coração dos filhos de Deus. Certamente que no coração dos filhos de Deus Ele habita, mas não está no coração de todas as pessoas, do contrário o mundo estaria muito melhor. Ninguém ama seu não for conduzido pelo próprio Amor. Só veremos amor no coração que está aberto ao Espírito Santo que irá modelar a pessoa aos moldes de Jesus. Assim devemos olhar nossas atitudes. Que tipo de cristão somos? Como tem sido a minha vida de comunhão com o Espírito Santo? Como tem sido as minhas atitudes diante das pessoas? Como tem sido o meu testemunho de vida? Devemos perceber que a diferença é: Se somos conduzidos pelo Espírito Santo ou pelo espírito do mundo. Se nossos pensamentos são os de Deus ou dos homens.

Ninguém é bom. “Só Deus é bom”. (Mc 10, 18b) Portanto para fazermos algo de bom devemos estar em comunhão com o Senhor. Neste sentido devemos meditar um pouco e ver que tanto queremos entregar nossa vida ao Senhor. Falar é fácil, mas ter a disposição de um abandono ao ponto de anunciar a verdade sem temor das conseqüências, de perseguição, de incompreensão, de calúnias… Não é tão fácil. Como vemos o Senhor quer que “Amemos uns aos outros como ele nos amou” (Jo 13, 34) assim devemos praticar nosso cristianismo na Luz do Espírito Santo para possamos dar testemunho diante do mundo e começar em nós a transformação de nossa sociedade. Somente através de santos homens e mulheres é que veremos mudança em nossa sociedade. Seja ousado. Faça sua opção pela santidade. Mas tenha a convicção que ser santo não é obter uma propriedade como algo seu, mas sim ter uma participação de vida com o Espírito Santo, é Ele que é santo e nos santifica com Sua presença, por isso nossa vida deve ser permeada na oração pessoal onde o Espírito perscruta os corações e revela as intenções de Deus para nossa caminhada de vida entre os irmãos. É nessa parceria de vida com o Espírito tendo Ele como mestre de nossa vida que seremos agradáveis a Deus em nosso caminhar. Somente assim atenderemos o mandato do Senhor de Amar o próximo.

 

Antonio ComDeus


PRIMEIRA LEITURA (Ex 22,20-26)

Leitura do Livro do Êxodo

Assim diz o Senhor: 20”Não oprimas nem maltrates o estrangeiro, pois vós fostes estrangeiros na terra do Egito. 21Não façais mal algum à viúva nem ao órfão. 22Se os maltratardes, gritarão por mim e eu ouvirei o seu clamor. 23Minha cólera, então, se inflamará e eu vos matarei à espada; vossas mulheres ficarão viúvas e órfãos os vossos filhos. 24Se emprestares dinheiro a alguém do meu povo, a um pobre que vive ao teu lado, não sejas um usurário, dele cobrando juros. 25Se tomares como penhor o manto do teu próximo, deverás devolvê-lo antes do pôr-do-sol. 26Pois é a única veste que tem para o seu corpo, e coberta que ele tem para dormir. Se clamar por mim, eu o ouvirei, porque sou misericordioso.”

– Palavra do Senhor.

T. Graças a Deus.

 

 SALMO RESPONSORIAL 17(18)

(HL3, p. 147 – Fx10)

Eu vos amo, ó Senhor, sois minha força e salvação!

1. Eu vos amo, ó Senhor, sois minha força, minha rocha, meu refúgio e Salvador! Ó meu Deus, sois o rochedo que me abriga, minha força e poderosa salvação.

2. Ó meu Deus, sois o rochedo que me abriga, sois meu escudo e proteção; em vós espero! Invocarei o meu Senhor: a ele a glória e dos meus perseguidores serei salvo!

3. Viva o Senhor! Bendito seja o meu rochedo! E louvado seja Deus, meu Salvador! Concedeis ao vosso rei grandes vitórias e mostrais misericórdia ao vosso Ungido.

 

SEGUNDA LEITURA (1Ts 1,5c-10)

Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Tessalonicenses.

Irmãos, 5sabeis de que maneira procedemos entre vós, para o vosso bem. 6E vós vos tornastes imitadores nossos, e do Senhor, acolhendo a Palavra com a alegria do Espírito Santo, apesar de tantas tribulações. 7Assim vos tornastes modelo para todos os fiéis da Macedônia e da Acaia. 8Com efeito, a partir de vós, a Palavra do Senhor não se divulgou apenas na Macedônia e na Acaia, mas a vossa fé em Deus propagou-se por toda parte. Assim, nós já nem precisamos de falar, 9pois as pessoas mesmas contam como vós nos acolhestes e como vos convertestes, abandonando os falsos deuses, para servir ao Deus vivo e verdadeiro, 10esperando dos céus o seu Filho, a quem ele ressuscitou dentre os mortos: Jesus, que nos livra do castigo que está por vir. – Palavra do Senhor.

T. Graças a Deus.

 

ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO (Fx11)

Aleluia, Aleluia, Aleluia, Aleluia. (bis)

Se alguém me ama guardará, minha Palavra, e o meu Pai o amará e a Ele nós viremos.(bis)

 

EVANGELHO (Mt 22,34-40)

P. O Senhor esteja convosco.

T. Ele está no meio de nós.

P. Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus.

T. Glória a vós, Senhor.

P. Naquele tempo, 34os fariseus ouviram dizer que Jesus tinha feito calar os saduceus. Então eles se reuniram em grupo, 35e um deles perguntou a Jesus, para experimentá-lo: 36”Mestre, qual é o maior mandamento da Lei?” 37Jesus respondeu: “‘Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento!’ 38Esse é o maior e o primeiro mandamento. 39O segundo é semelhante a esse: ‘Amarás ao teu próximo como a ti mesmo’. 40Toda a lei e os profetas dependem desses dois mandamentos.

– Palavra da Salvação.

T. Glória a vós, Senhor.

 

LEITURAS DA SEMANA: de 24 a 30 de Outubro de 2011

 

2ª-: Rm 8, 12-17; Sl 67 (68), 2 e 4. 6-7ab. 20-21 (R/. 21a); Lc 13, 10-17

3ª-: Rm 8, 18-25; Sl 125 (126), 1-2ab. 2cd-3. 4-5. 6 (R/. 3a); Lc 13, 18-21

4ª-: Rm 8, 26-30; Sl 12 (13), 4-5. 6 (R/. 6a); Lc 13, 22-30

5ª-: Rm 8, 31b-39; Sl 108 (109), 21-22. 26-27. 30-31 (R/. 26b); Lc 13, 31-35

6ª-: Ef 2, 19-22; Sl 18(19), 2-3. 4-5 (R/. 5a); Lc 6, 12-19

Sab.: Rm 11, 1-2a. 11-12. 25-29; Sl 93 (94), 12-13a. 14-15. 17-18 (R/. 14a); Lc 14, 1.7-11

31ª DTC. Ml 1, 14b – 2, 2b.8-10; Sl 130 (131), 1. 2. 3; 1Ts 2, 7b-9.13; Mt 23, 1-12 (O maior é o que serve).

v\:* {behavior:url(#default#VML);} o\:* {behavior:url(#default#VML);} w\:* {behavior:url(#default#VML);} .shape {behavior:url(#default#VML);} Normal 0 21 false false false PT-BR X-NONE X-NONE MicrosoftInternetExplorer4 /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:”Tabela normal”; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-priority:99; mso-style-qformat:yes; mso-style-parent:””; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin:0cm; mso-para-margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:”Calibri”,”sans-serif”; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-fareast-font-family:”Times New Roman”; mso-fareast-theme-font:minor-fareast; mso-hansi-font-family:Calibri; mso-hansi-theme-font:minor-latin; mso-bidi-font-family:”Times New Roman”; mso-bidi-theme-font:minor-bidi;}