Mãe você é meu mundo!

 Temos muitas formas de falar das mães, afinal o que não falta são os predicados que elas têm.

Em uma breve reflexão pessoal sobre nossa mãe fiquei pensando o que mais se parece com ela e como abordar tal tema diante de uma amplidão e valor. Ai eu pensei em nosso planeta, nossa mãe terra.

Como nossa mãe, ela gera vida e sustenta estas vidas mesmo quando não é compreendida pelos que são sustentados por ela.

Tudo que se dá ao planeta ela tenta de todas as formas recuperar, remanejar, reconstruir, enfim nosso planeta busca de todas as formas sobreviver e cuidar para que seus filhos vivam bem e tenham tudo o que precisa, apesar de ser os próprios filhos que a degradam e não cuidam da mãe que tem, achando que ela é uma super mãe e que vai suportar qualquer coisa que fizermos.

Assim também vemos que nossa mãe passa por muitos percalços causados pelas nossas atitudes muitas vezes de indiferença, de incompreensão, de insubordinação e tantos outros “in’s” que é difícil até de relatar. Mas na verdade não a valorizamos principalmente em nossa infância e juventude, talvez num momento como esse que celebramos seu dia até damos valor a acariciamos, damos presentes, mas no dia a dia em que a própria vida nos cobra de termos atitudes de valor, amor e dedicação nem sempre correspondemos.

 

Quando olho para nosso planeta vejo uma grande mãe gerando vida constantemente e lutando para sustentar essas vidas sobre si e sempre buscando fazer o melhor. Muitas pessoas dizem que “Deus perdoa sempre, o homem de vez em quando e a terra nunca”. Discordo plenamente. Nosso planeta luta com todas as forças para manter a vida e não transtornar as vidas que ela própria gerou e isso podemos chamar de misericórdia, de amor. O planeta nos perdoa sempre.

 

Assim é nossa mãe. É a expressão real, palpável da misericórdia de Deus, e esta expressão só encontramos na pessoa da mãe, ela tudo suporta, ela só sabe fazer uma coisa – AMAR.

Nada nesta vida ou em tudo criado por Deus pode ser comparado ao amor de mãe. O Céu se abala, os anjos regozijam e o inferno treme quando uma mulher se torna mãe.

Mãe você é a perfeita expressão de Deus, olhar pra você é ver a face de Deus.

 

Mãe. Não sou tudo o que deveria ser, mas tenho tudo o que gostaria de ter. “Você”

Mãe você é um munnnndo.